Tribunal de Justiça leva 50 carros a leilão em junho

O Tribunal de Justiça de Alagoas pretende vender cerca de 50 carros, em leilão com data prevista para 19 de junho. Os veículos estão em condições de uso ou podem voltar a circular após pequenos reparos. Serão leiloados ainda itens como geladeiras, fogões, móveis e condicionadores de ar.

O procedimento, que deve ocorrer no Fórum da Capital, vai gerar economia ao Judiciário, porque desocupará galpões alugados para guardar os bens.

O anúncio ocorreu em reunião nesta segunda-feira (20), com o presidente do TJ, Tutmés Airan, o juiz João Dirceu, presidente da Comissão Permanente de Controle de Bens do Patrimônio do Poder Judiciário (Compec), e o leiloeiro oficial Fernando Albuquerque Lins.

“Vamos levar à hasta pública todos os veículos do patrimônio e os bens apreendidos que estejam liberados, sem queixa de roubo ou furto”, explica o juiz João Dirceu. “No segundo semestre, nós faremos um outro leilão com os bens que hoje ainda têm alguma pendência”. Também devem ser leiloados no segundo semestre bens considerados sucata.

O leiloeiro Fernando Albuquerque informou que ainda serão definidas as condições para que os interessados possam verificar pessoalmente os bens. “Vamos organizar um dia para os interessados poderem verificar o carro, abrir o motor, caixa de marcha, mala, esse tipo de coisa”, disse.

O leilão será feito em duas praças, sendo a segunda no mesmo dia da primeira, mas com o valor reduzido em 50%. “Eu diria que já estão bem competitivos os preços, a expectativa é que já na primeira praça, ocorra a arrematação”, afirmou o leiloeiro.

Também participaram da reunião representantes do Departamento de Trânsito de Alagoas (Detran/AL). O órgão vai prestar toda a assistência no dia do leilão e no momento da entrega, para facilitar questões administrativas.

Ascom – 21/05/2019

(Visited 4 times, 1 visits today)